CONHECENDO A HOMEOPATIA | A Herborista

CONHECENDO A HOMEOPATIA

Voltar para Manipulação

Samuel Hahnemann, que nasceu em Meissen, uma pequena cidade da Alemanha em 1755 é conhecido como o pai da Homeopatia. Mas como tudo na história humana, outros grandes personagens contribuíram para o que hoje conhecemos como Homeopatia.

Hipócrates(460-350 a.C) considerava dois métodos de tratamentos “a cura pelo contrário” , consolidada por Galeno(129 – 199 d.C) e  “a cura pelo semelhante”, reavivada por Paracelso (1493 – 1591).

Hahnemann começou a praticar a Similia Similibus , lei dos semelhantes, dizendo que a doença poderia ser tratada usando-se medidas semelhantes à doença, por estar insatisfeito com a medicina tradicional da época.  Em 1790, experimentou em si mesmo a Quina e observou sintomas muito semelhantes às apresentadas por pacientes sofrendo de malária. À partir dali começou a pesquisar a cura pela Lei dos Semelhantes, considerando muito o legado de Hipócrates, atenção ao regime alimentar, importância dos fatores climáticos, ecológicos, psicológicos e a existência da energia vital.

Como algumas plantas e substâncias eram tóxicas, resolveu fazer preparações diluídas ao máximo. Observando então seus pacientes, concluiu que se os medicamentos além de diluídos apresentavam maior efeito quando sacudidos, passou a utilizar a Diluição e a Dinamização ( sacudidas), foi quando a Medicina Homeopática começou a se desenvolver e a ganhar popularidade.

 

 

 

Em 1810 Hahnemann publicou Organon da Arte de Curar, que passou a ser considerado como a “Bíblia da Homeopatia”. Em 1811 publicouMatéria Médica Pura e em 1828, publicou Doenças Crônicas. Após a sua morte em 1843, seus seguidores entre eles Constantin Hering e James Tyler Kent foram os que mais contribuíram para o desenvolvimento da Homeopatia.

Várias explicações foram propostas para o mecanismo de ação dos medicamentos homeopáticos, com destaque à “memória da água”, confirmada usando-se estudo com espectrofotometria infravermelha, publicada na conceituada revista Nature em 2005. Segundo a Organização Mundial de Saúde a Homeopatia é o segundo sistema médico mais utilizado no mundo. O Reino Unido, França e Alemanha usam a Homeopatia no Sistema de Saúde Pública.

No Brasil em 1980 O Conselho Federal de Medicina reconheceu oficialmente a Homeopatia como especialidade médica e em 2006 o Ministério da Saúde criou a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no Serviço Único de Saúde (SUS), autorizando o uso da Homeopatia. Portanto, hoje, a Homeopatia não é mais considerada uma “terapia alternativa”.

 

Voltar para Manipulação